Home Cadastro Gratuito Agncias de Viagens Hotis Anncio Fcil Fale Conosco

categorias
 Página Inicial
 Agências de Viagens
 Associações/Entidades
 Hotéis/Flats/Pousadas
 Locadoras de autos
 Dicas de viagens
 Entretenimento
 Pontos turísticos
 Empresas de táxi
 Cias aéreas
 Transp. rodoviários
 Aeroportos
 Rodoviárias
 Consulados/Embaixadas
 Cadastro Gratuito
 Atualize seu cadastro
 Livros
 Feiras/Eventos Brasil
 Feiras/Eventos Exterior
 Mapa do Site
 Sobre o Guia
 Fale conosco




guias_web
Guia da Embalagem
Guia Construir e Reformar
Guia Pet & Cia
Guia da Cinaria

submarino

◄◄◄ Anterior Próxima ►►►


01/11/2017

Seguro viagem para não arruinar suas finanças pessoais


É muito comum que durante os preparativos para aquela tão esperada viagem, não passe pela cabeça do viajante que problemas com a saúde poderão atrapalhar a aventura. Não passa, mas pode acontecer



Dr. José Sallovitz*

Por isso, o seguro viagem é um item extremamente importante durante o planejamento de uma viagem, pois ele não garante apenas o bem-estar e a tranquilidade, mas também a saúde financeira durante todo o passeio.

Os valores praticados na área da saúde dentro do Brasil sofrem uma enorme variação dependendo da região em que a pessoa está. O mesmo acontece em relação a outros países podendo chegar a preços 800% mais caros nos Estados Unidos, por exemplo. Lá, uma simples consulta em um hotel pode chegar a US$ 800,00 e uma caixa de antibióticos a US$ 200,00. Isso quando falamos sobre procedimentos comuns, mas se formos comparar internações e procedimentos cirúrgicos, os valores saltam aos olhos. Nos Estados Unidos, uma internação por gastroenterite pode custar US$ 5.000,00 (para realizar apenas uma hidratação), enquanto uma cirurgia de apendicite simples não sai por menos do que assustadores US$ 40.000,00.

Já na Europa, os preços não são tão exorbitantes, mas, ainda assim, foge dos planos ter que desembolsar alguns milhares de euros durante suas férias com doenças ou acidentes.Em países como França, Alemanha e Espanha, a mesma apendicite mencionada acima sairá por EUR 8.000,00. Mas se o caso complicar e houver a necessidade de repatriação com acompanhamento médico, os valores podem saltar para 20.000 euros, fora a dor de cabeça de organizar todo o procedimento em países em que o idioma é uma barreira considerável.No velho continente, diga-se de passagem, a posse de uma apólice de seguro viagem é obrigatória para entrada de brasileiros em um país do mercado comum europeu.

Mas não é apenas para cobrir despesas médicas que existem os seguros de viagem, eles servem ainda para procedimentos odontológicos. Na terra do Tio Sam, por exemplo, uma restauração dentária custaria US$ 600, enquanto que no Brasil esse valor cairia para algo em torno de R$ 60,00. Entretanto você não vai querer aparecer banguela em suas fotos de viagem, vai? Portanto o seguro viagem pode livra-lo de situações embaraçosas.

Talvez você não saiba, mas a contratação do seguro pode ser muito útil também no ressarcimento de bagagens extraviadas, perda ou roubo de documentos ou compras e cancelamento de viagens de última hora. Colocando na ponta do lápis, esses gastos podem ultrapassar em muito o orçamento inicialmente planejado pelo viajante e causar um verdadeiro rombo nas contas do mês. Diante de tantas possibilidades, o melhor é não arriscar sua saúde nem o bolso, e aproveitar tranquilo a viagem da sua vida.

*Dr. José Sallovitz, coordenador e cardiologista da Allianz Global Assitance

Fonte: Allianz Global Assistance





Ver mais noticias

pesquisas
Pesquisa no
Guia do Turismo e Lazer








BuscaGoogle


maplink


Cine & Foto - Submarino.com.br

Valid XHTML 1.0 Transitional CSS vlido!  
Guia do Turismo e Lazer © 2009-2017 - Uma empresa do grupo GUIAS WEB - Todos os Direitos Reservados ( Normas de uso - Política de privacidade)